Cananéia: Primeira Cidade do Brasil?

Aproveitando a discussão iniciada com o lançamento do ótimo 1808 , este post rápido também é sobre o que não se aprende na escola.

Todo mundo sabe que o título oficial de primeira cidade (ou vila? vide comentários abaixo) do Brasil pertence a São Vicente, cidade hoje um tanto quanto esquecida ali no amontoado de municípios que sofrem com crise de identidade no litoral sul paulista. Entretanto, cresce cada vez mais o time de historiadores que defendem a exuberante (e também um tanto quanto desconhecida) Cananéia em sua briga pelo tapetão da história.

Em síntese, no ano de 1531 o português Martim Afonso de Souza foi enviado ao Brasil pelo governo português com a missão de fixar uma colônia projetada.  Ao apontar na região de Cananéia, o português teria encontrado um vilarejo em pleno crescimento, chefiado por outro português,  Gomes Fernandes, que vivia ali amasiado com uma índia de nome Caniné desde 1502.  Caniné… Cananéia… manja?

Afonso de Souza teria passado quarenta e quatro agradáveis dias no pequeno povoado, seguindo viagem pelo litoral até a tal São Vicente, onde fundou oficialmente o primeiro município brasileiro. Mas o mapa-múndi do belíssimo Monumento dos Descobrimentos localizado em Lisboa, que demonstra cravadas em mármore as rotas dos navios naquela época, atesta a segunda chegada de portugueses no Brasil em 1502, exatamente na cidade de Cananéia.  Tá lá. Não há muito o que discutir, não?

O fato é que quando Souza aportou em Cananéia o fez na hoje denominada Ilha do Cardoso, estabelecendo um marco da coroa portuguesa no local. Hoje há uma réplica em seu lugar, feita em cimento, no alto de um rochedo que pode ser alcançado com algumas horas de caminhada.

Leia mais aqui sobre a discussão. Veja aqui outra versão. E aqui, sobre qual é a da tal ilha e seus atrativos mais interessantes para os mochileiros de plantão. Boa leitura!

Share

0 pensamento em “Cananéia: Primeira Cidade do Brasil?”

  1. Prezado Raulz!to.

    Concordo com sua teoria, todavia, os famosos “documentos oficiais” da coroa portuguesa colaboram pelo que disse o Cerqueira. Mas por mérito histórico e por terem desembargado primeiramente na costa nordestina, faz dessa região do Brasil, o primeiro povoamento português nas Américas.
    Gostaria de lhe informar que existe também uma teoria que Cabral teria chegado primeiramente na Costa do Rio Grande do Norte e margeando esse litoral, teria atragado somente na Baia de Cabrália (Bahia) por ter encontrado um local mais calmo e propício ao desembarque. Fato reconhecido na expedição de Gaspar de Lemos que em 1501, iniciou a Expedição de Posse e Reconhecimento do Brasil, começando pelo Rio Grande do Norte (bem na esquina do Brasil) colocando o 1º Marco de Posse do Brasil, terminando em São Vicente/SP. Desses primeiros simbolos portugueses, resta somente o do RN e o de SP, já o de Cananéia é uma replica.
    Dessa forma os primeiros povoados foram sim no Nordeste, região essa que foi rica e dominante no período colonial no Brasil, perdeu seu status e virou sinômino de região pobre, somente após o século XVIII.
    Respeito a tradição histórica e os documentos, mas por Mérito histórico” acredito ser mesmo Cananéia/BA o primeiro povoado português, merecendo também os títulos de Vila e Cidade.

    Prof. M.Sc. Maxuel Araujo
    Historiador Social

  2. Raulz!to, excelente artigo, cabendo esclarecer somente que São Vicente foi a primeira VILA do Brasil e Salvador, a primeira CIDADE. O primeiro povoamento teria sido em Cabo Frio, RJ, uma feitoria levantada em 1504, mas hoje se sabe que o local correto é a Ilha do Governador, na Baía de Guanabara. Abraço!

Deixe uma resposta